A Apple sofre um rombo de 10 milhões

Um ex – funcionário de nome Dhirendra Prasad que era gerente de compras da Apple.

No período de 2008 a 2018, segundo o site de informação Silicon Valley.

Ele teria explorado a sua posição, ao desenvolver várias fraudes.

Dhirendra tinha contato com fornecedoras da companhia, Prasad e entre as ações ilícitas estavam o recebimento de propina e desvio de dinheiro, ele também é acusado de roubar peças e cometer evasão fiscal. Somando tudo, os prejuízos somam uma quantia de 10 milhões.

Dhirendra poderá pegar uma pena de até 20 anos de prisão se for condenado.

No dia 25/03 Quinta – feira Dhirendra irá depor no tribunal dos Estados Unidos em San Jose.

O tribunal deu permissão ao governo federal para apreender US$ 5 milhões em dinheiro e bens, com a intenção de manter os ativos como produto do crime.

Leia mais: Apple Bloqueia Compras Da Apple TV No Android

Dois outros homens residentes na Califórnia, cujo os nomes não foram divulgados, também foram ligados ao esquema, além de conspirar com a Prasad na fraude e na lavagem de dinheiro, eles já são réus em outros casos.

Quanto à Apple, a empresa não quis comentar o caso.

5/5 - (7 votos)
Você pode gostar também:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações

pt_BR