Apple está melhorando a privacidade em futuras telas de iPhones e Macs

Cristina Assunção

A Apple está intensificando seus esforços para aprimorar a privacidade dos usuários em futuras telas de iPhones e Macs, investindo em novas tecnologias.

Recentemente, a empresa revelou duas novas patentes que delineiam métodos para evitar a visualização não autorizada do conteúdo exibido nas telas de dispositivos.

Pesquisa aponta que funcionários da Apple já foram da Intel e Microsoft

A película tem a capacidade de permitir uma visualização mais clara do conteúdo

Privacy Films For Curved Displays/imagem-crédito: amazon
Privacy Films For Curved Displays/imagem-crédito: amazon

A primeira patente, intitulada “Privacy films for curved displays” (Filmes de privacidade para telas curvas), propõe o uso de uma película especial que atua como um filtro. Essa película tem a capacidade de permitir uma visualização clara do conteúdo quando o usuário está diretamente de frente para a tela. No entanto, caso alguém tente visualizar a tela de um ângulo lateral, a imagem se tornará borrada ou até mesmo invisível.

Apple fechará loja no Havai e abrirá na Coreia do sul

A segunda patente, denominada “Displays with adjustable angles of view” (Telas com ângulos de visão ajustáveis), apresenta uma abordagem mais complexa. Ela propõe a implementação de um filtro ajustável eletronicamente nas telas, proporcionando ao usuário o controle sobre quem pode visualizar o conteúdo exibido. Essa tecnologia pode até mesmo restringir a visão com base nas cores específicas do que está sendo mostrado na tela.

Outras informações: Dicas para quando o sensor de proximidade do iPhone apresentar problemas

AirJet para solucionar problemas existente em MacBook Air de 13 e 15 polegadas

A Apple não garante a implementação desses recursos nas próximas gerações de seus produtos

Privacy Films/Imagem-crédito: appleinsider-William Gallagher
Privacy Films/Imagem-crédito: appleinsider-William Gallagher

Embora essas patentes ofereçam caminhos promissores para a proteção da privacidade, elas não garantem que a Apple implementará esses recursos nas próximas gerações de seus produtos. No entanto, é animador observar que a gigante da tecnologia está explorando e estudando ativamente recursos inovadores com o objetivo de aprimorar a segurança e privacidade dos usuários.

A preocupação da Apple em desenvolver tecnologias que protejam a privacidade reflete seu compromisso contínuo em oferecer aos usuários a melhor experiência possível, garantindo ao mesmo tempo a segurança de seus dados pessoais. Esse foco na privacidade demonstra um passo importante na constante evolução dos padrões de segurança e proteção de dados adotados pela empresa.

iPhone 15 dominou o mercado de displays em outubro

Embora aguardemos para ver se essas patentes se transformarão em recursos reais nos dispositivos Apple no futuro, a abordagem proativa da empresa em relação à proteção da privacidade é um indicativo positivo de seu compromisso com a inovação e a segurança dos usuários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *