Plano que permitiria que usuário usasse a Siri para compras foi cancelado

A alguns anos atrás a Apple cogitou que, usuários usassem a Siri para fazer compras por aplicativos e serviços parecidos com a forma que os usuários usam a Alexa da Amazon para fazer seus pedidos online, mas foram descartados após a preocupação com a privacidade.

The Information destaca em um novo relatório que os engenheiros da Maçã tem acesso limitado ao jeito que os usuários usam o serviço da Apple, como Apple TV + e Apple Maps.

Esses rigorosos procedimentos de privacidade da Apple impede que os engenheiros tenham acesso direto as informações. A rigorosa política da privacidade está sufocando os serviços da Apple e impedindo a concorrência como o Google e outros.

Alguns recursos da Apple nunca saíram do papel

A The Information aponta que em 2019 analisou a possibilidade de aceitar que usuários usassem a Siri, para fazer compras, mas a frente à equipe responsável pelo projeto teve que parar após problemas com a privacidade.

Alguns recursos apresentado pela Apple nunca saíram do papel, por que tem a restrição de privacidade. Como a privacidade que impedia a Siri de gerar o ID de uma pessoa ao seu pedido de voz. Mas a equipe de mídia e produtos da Apple responsável do projeto não conseguiu, uma outra possibilidade de autenticar os usuários de maneira confiável.

Saiba mais: A Maçã é verde, Apple investe em energia renovável

Não é a primeira vez que a política da privacidade da Apple limita o que seus engenheiros podem ou não fazer.

Privacidade diferenciada uma das maneiras mais criativas inventada pelos engenheiros da Apple

Engenheiros e funcionários que trabalham na Siri, na App Store e até no Apple Card, às vezes tem que encontrar formas inovadoras e caras de equilibrar a falta de acesso às informações.

Umas das maneiras mais criativas que os engenheiros da Apple inventaram, foi a privacidade personalizada, que foi rebaixada por Craig Federighi da Apple, na wwdc 2016. A privacidade diferenciada transforma as informações compartilhadas com a Apple antes mesmo de deixar o dispositivo do usuário, para que a Apple nunca possa reproduzir dados verdadeiros.

5/5 - (7 votos)
Você pode gostar também:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Presumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar se desejar. Aceitar Mais informações

pt_BR